Publicidade

Publicidade
25/11/2009 - 11:15

A floresta pelas lentes de Gautherot

Compartilhe: Twitter

Gautherot Igapos blog

O fotógrafo francês Marcel Gautherot disse certa vez ao poeta Jacques Prévert: “No Brasil, tive vontade de derrubar uma floresta inteira para tirar o retrato de uma certa árvore de que gostei”. Brincadeiras à parte, como observam Milton Hatoum e Samuel Titan Jr. na introdução a “Norte”, uma belíssima coletânea de fotos feitas por Gautherot na região, as dificuldades envolvidas na tarefa de registrar a floresta amazônica mobilizaram, desde sempre, artistas e fotógrafos dos mais variados calibres.

Nascido em Paris em 1910, Gautherot radicou-se no Rio de Janeiro a partir de 1940. A serviço do SPHAN, viajou pelo país, registrando o patrimônio histórico e artístico nacional. Documentou o nascimento de Brasília numa série famosa de fotos. Morreu em 1996 e seu acervo de mais de 25 mil imagens hoje pertence ao Instituto Moreira Salles.

Gautherot Cidade flutuante Rio Negro Manaus blog

Gautherot foi diversas vezes à Amazônia, e fotografou não apenas a floresta, como os índios e as grandes cidades da região. Hatoum e Titan organizaram “Norte” como se fosse uma viagem, iniciada em Manaus e encerrada em Belém. Com razão, os organizadores observam que Gautherot descobriu “um jeito inédito de ver o Brasil” – e as duas fotos aqui exibidas dão uma boa idéia disto. As 72 imagens que formam o livro (144 págs., R$ 56) poderão ser vistas, também, em uma exposição que será inaugurada nesta quarta-feira (25 de novembro) e abre ao público na quinta-feira (26), permanecendo até 21 de março de 2010, no Instituto Moreira Salles, em São Paulo (rua Piauí, 844)

Autor: - Categoria(s): Blog Tags:

Ver todas as notas

6 comentários para “A floresta pelas lentes de Gautherot”

  1. Marcos Maia disse:

    Sem querer ser chato, sendo(!) Gautherot viu a Amazônia melhor que muitos brasileiros. Nasci em Belém e falo com propriedade.

  2. JOSE disse:

    beleza… precisa vir um francês pra fotografar nossa amazonia… acoooorda!!! senhores fotógrafos brasileiros…. vamos lá moçada… cobra que não anda não cata sapo…. rsrsr , más devo admitir as fotos são mágicas.. apesar da maioria dos franceses serem chatos… o cara tem talento… rsrsr

  3. LUIZ CARLOS DO NASCIMENTO disse:

    SOU NASCIDO EM SALVADOR, VIM PARA O AMAZONAS PASSAR 40 DIAS E ESTOU HÁ 28 ANOS. É PRECISO QUE BRASILEIROS DESCUBRAM ESTA MARAVILHA QUE É O AMAZONAS MUITO MAIS LINDA E NOSSA. MELHOR DO QUE O EXTERIOR

  4. Danna disse:

    A “nossa” Amazônia é tão linda que todo mundo quer um pedaço. Se os nossos governantes não abrirem os olhos com certeza daqui a algum tempo não vai sobrar nada para nós.
    ACORDA BRASIL!!!!!!

  5. liu disse:

    nunca pensei que a floresta seria tão (mais) bonita vista em preto-e-branco…

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo