Publicidade

Publicidade
09/12/2009 - 10:16

“Cinquentinha” opta pelo riso fácil da caricatura

Compartilhe: Twitter

cinquentinhaAguinaldo Silva é um dos mais bem-sucedidos autores da Rede Globo. Fã de “Tom & Jerry”, ele entende que o bom vilão, na tevê, deve ser sempre um canastrão. Como Tom. “Ele esmaga aquele ratinho mil vez por dia, prepara as armadilhas mais ardilosas, mas sempre leva a pior, e todo mundo morre de rir”, diz o autor em seu depoimento ao livro “Autores, Histórias da Teledramaturgia”.

“Cinquentinha”, a série em oito capítulos que estreou nesta terça-feira, não tem um vilão com essas características, mas quatro: são as três viúvas de Daniel (José Wilker), Lara (Susana Vieira), Mariana (Marília Gabriela) e Rejane (Betty Lago), além de Leonor (Maria Padilha), todas inimigas entre si.

Com direção-geral de Wolf Maia, parceiro de Aguinaldo Silva em outras aventuras, “Cinquentinha” adota o tom da caricatura, do humor sem sutileza, disposto a fazer o público rir de qualquer maneira. Tudo é exagerado, avacalhado, chapado – quase um programa estrelado por Didi Mocó.

Todos os bons temas sugeridos por Aguinaldo Silva se diluem, em meio ao clima adotado para contar a história. A atriz em decadência é uma piada ambulante, na interpretação exagerada (e sem jeito) de Susana Vieira. O mesmo vale para o conflito, tratado de forma grotesca, da avó Rejane (Betty Lago) com a neta, que está namorando um homem negro, morador da favela.

Mesmo uma ousadia de Aguinaldo Silva se perdeu, na estreia, soterrada pelo clima de avacalhação geral. A fotógrafa Mariana, cinquentona que só namora garotos de 18 anos, encontra na balada uma colega dos tempos em que ambas eram estagiárias no jornal. Leila (Ângela Vieira) acaba levando Mariana para casa (e para a cama), mas a noitada termina, de manhã, em forma de galhofa, com a personagem de Marília Gabriela fugindo da casa da amiga com as roupas nas mãos.

Aguinaldo Silva defende a idéia que o autor de televisão deve escrever para agradar ao público. “Você está fazendo novela para quê? Para conseguir audiência e agradar o telespectador. É para fazer sucesso, não é por outra razão. Então, é um absurdo se colocar contra o que o espectador quer”. Pano rápido.

Autor: - Categoria(s): Cultura, televisão Tags: , , , ,

Ver todas as notas

107 comentários para ““Cinquentinha” opta pelo riso fácil da caricatura”

  1. Agnaldo Silva disse:

    Tenho quarentinha, mas estou adorando assistir, é fantastico. Estou até mesmo tentando me identificar, com uma delas, a Lara q está mais próxima, para quando eu chegar ao cinquentinha, estarei preparada.
    Não irei perder um só capitulo, é d+.

  2. Carlos Valentim disse:

    Só tem mesma cara da Rede Globo. Enjoei destas caras. Desses atores antigos. Coloca gente nova aí. Tem muito talento por aí.

    • Carlos disse:

      Pior se vc enjoar da cara que vc vê todos os dias no espelho! Aí vai ser pra acabar!

  3. Carlos Valentim disse:

    Tem muita mesma cara nesta mini série. Coloque atores novos. Tem muito talento novo por aí. Estes atores antigos da Globo deram para enjoar.

  4. Psicólogo disse:

    As pessoas criticam e sem critério algum. A Globo não é a vilã, pois o que ela mostra, a Record que quer ser de primeira, mostra de igual forma. Se tem criança assistindo a mini série, que os pais tomem suas providências, porque no início e durante aparece a idade limite e pra não alongar muito, as pessoas, como um comentário que tem aqui, não assiste porque só ensina o que é errado, pois digo que uma pessoa assim só pode ser frustrada e mal amada além de muito fraca e com medo de cair por ser fraca, opta por não assistir. Fala sério!! A Mini série é sim muito boa e mudou um pouco as noites tirando a mesmice do ar.

  5. UM DOS MELHORES NA MINHA OPINIÃO disse:

    JÁ SABIA SÓ DE VER O ELENCO ESCOLHIDO TINHA
    CERTEZA QUE NÃO PODERIA SER DIFERENTE UM ÓTIMO
    TRABALHO.GOSTO DE TODOS OS ARTISTAS QUE FAZEM
    PARTE DESTA HISTÓRIA E QUANDO AO AUTOR PREFIRO
    NÃO COMENTAR PARA NÃO ERRAR CASO ESQUEÇA
    DE ALGUEM ELOGIO PARABÉNS VOCÊ É O MAXIMO.

  6. Macaco disse:

    Eu não assisti e nem vou assistir essa porcaria de minisérie que só serve para fazer mais lavagem cerebral na cabeça dos idiotas brasileiros, pois há mais de 45 anos o povo brasileiro tem colocado ladrões, corruptos e bandidos no poder, se sucumbido a paixões nacionais como Futebol, Samba, MINISÉRIES, Carnaval, Cerveja, Novelas, Bagunça e Jeitinho Brasileiro ao invés de ter estudado mais, procurado conhecimento,melhor se qualificado proficionalmente. Resultado:SISTEMA EDUCACIONAL FALIDO, SISTEMA DE SAÚDE FALIDO, JUSTIÇA CEGA, Povo Ignorante e Manipulado

    • Carlos disse:

      Nossa, e pelo jeito vc é a solução para tudo!! Estou muuuuito impressionado com seu comentário!!!!!!!!

  7. Lourival disse:

    A Globo esta de parabéns, nos brasileiros prescisamos e de programos deste nível que possam nos alegrar depois de um dia cançativo. A Globo na verdade, não mostra a nossa querida MINAS GERAIS, quanta riqueza e beleza temos a contribuir para o mundo.

  8. grego disse:

    Mauricio Stycer, sinto mito, mas seu comentário foi ridículo….
    Essa é a realidade brasileira, temperada de muita sátira, avacalhação e putaria !!!!!!!!!! Cai na real, meu amigo, somos um país tropical, não somos certinhos, desde o descobrimento, quando os capatazes portugueses “comiam” as escravas negras !!!!!!!!
    E vivam os brasileiros putanheiros !!!!!!!!!!!!!

  9. M.H. disse:

    Amei. É divertida e fala de coisas reais.
    Toda mulher gostaria (depois dos 50), continuar sendo desejada, amada, e divertida. Após anos dedicando a família, casa, trabalho etc. contribuindo com a sociedade positivamente, só porque entrou nos “enta” (quarenta, cinquenta..) ela é marginalizada !!! Quem disse que vovó tem que ficar em casa tricotando??. Talvez aqueles(as) que só pensam nelas para cuidar dos netos (seus filhos) ou para morrer logo e deixar uma boa erança…….!!!!!!
    Bem colocado o comentário da Cida, homens podem namorar meninas e as mulheres não podem namorar rapazes mais novos???
    Aos FALSOS MORALISTAS e PRECONCEITUOSO S vai um lembrete: As MULHERES PODEM SIM, os HOMENS é que NÃO PODEM (MULHERES NÃO PRECISAM DE VIAGRA……………….!!!!!!!!!!!!!!!!)

  10. Débora disse:

    Pra quem não tem outra opção, como tv a cabo, deve ser um prato cheio……rs……….

  11. Péricles disse:

    Caramba a Globo sempre tem um “As” na manga, assisti o primeiro capitulo e fiquei enaltecido com o figurino o espaço e sem duvida alguma com a performance das atrizes, meus sinceros parabéns, nós brasileiros nos orgulhamos pelos nossos ilustres escritores.

  12. Liz disse:

    Amo todas as atrizes protagonistas dessa historia maluca, muito engraçada…..muito sucesso, por que estar otima nessa idade….nao e pra qualquer uma!!!! Tudo de bom!!!

  13. Marcia disse:

    Ridículo. Comecei a assistir e me deu dor de cabeça de tanta gritaria e falas juntas. Um nojo Susana Vieira e companhia.

  14. Marcia disse:

    Para o Pericles: Nós, uma virgula. Me exclua dessa! A Globo tem potencial, mas está se perdendo com tanta apelação.

    Lamentável!!!!

  15. NOÉ disse:

    EU CONHEÇO ESSAS MULHERES, ELAS ESTAVAM NA MINHA ARCA QUANDO HOUVE O PRIMEIRO DILÚVIO.

    MAS ELAS AINDA ESTÃO VIVAS !!!!!!

  16. Nelson disse:

    não aguento mais ver a globo querer promover a Susana Vieira, principalmente depois daquela grosseria no video show, ela não suporta o sucesso dos mais jovens.

  17. Minervino disse:

    Suzana Vieira como sempre estraga seus papéis. Na verdade, nesse parece que o Aguinaldo disse: “Toma, o nome da personagem é esse, mas basta que você seja a si mesma”.

    Como alguém consegue ser tão arrogante?

  18. elisa cohen disse:

    Eu assisti ontem o primeiro capítulo e achei fraco. As interpretações estão exageradas, mais parece um pastelão de quinta categoria. A pior é a Susana Vieira que faz o papel dela na vida real: patética.

  19. Arethusa disse:

    Falta de Respeito!

    Imensa falta de respeito no capitulo desta quinta feira(10/12), denegrindo o nome Arethusa!!!
    Arethusa é um nome grego.Nome de uma ninfa da mitologia grega.
    Tem que pesquisar melhor senhores diretores e autor, antes de usar o nome de alguém como nome de “Guerra”, de uma mulher que saio do nada, a tal Lara,(Susana Vieira).
    Como o atorzinho disse na “minissérie”, que isso não é nome de “GENTE”!
    E o nome Correto é ARETHUSA E NÃO ARETUZA.
    A ultima vez que vi vcs usarem este nome como de “GENTE”, foi numa participação de uma atriz em SENHORA DO DESTINO!
    Pra variar, o papel da atriz foi de uma Empregada doméstica.
    Quero saber qual o problema de vcs com este nome?!

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo