Publicidade

Publicidade

06/12/2008 - 06:49

Troféu sinceridade – II

Compartilhe: Twitter

“Se dependesse de mim, entrava com o time juvenil contra o Palmeiras. Eu não gosto do Flamengo e todo mundo sabe disso. Não quero ajudar a equipe deles a classificá-los para Libertadores. Para mim, seria ideal que ambos terminassem com a vaga na Sul-Americana. O time deles não merece”.

Carlos Augusto Montenegro, ex-presidente do Botafogo, no “Lance!”, sobre o jogo do seu time contra o Palmeiras, neste domingo, pela última rodada do Brasileiro.

Autor: - Categoria(s): Esporte Tags: , , ,
30/09/2008 - 17:23

Montenegro diz não à presidência do Botafogo, mas cogita um dia dirigir a CBF

Compartilhe: Twitter

Ricardo Kotscho é craque, mestre de várias gerações, mas sou obrigado a dizer que, nesta entrevista com Carlos Augusto Montenegro, ele ficou prestando atenção ao que o presidente do Ibope falou sobre Lula, Serra, Kassab, Marta e eleições pelo Brasil afora, mas deixou escapar as duas notícias mais importantes do almoço.

Atenção, nação alvinegra: apesar das muitas especulações a respeito, Montenegro garante que, definitivamente, não será candidato à presidência do Botafogo no final do ano. O cartola que deu ao clube o seu único título, até hoje, de Brasileiro (1995), prefere continuar como está, interferindo e dando palpites à sombra do poder, mas sem ter que assinar o seu nome em documentos e se envolver diretamente em outros pepinos administrativos.

Quem sonha em vê-lo de volta ao mundo da política do futebol pode, porém, anotar uma data na agenda: 2014. É quando Ricardo Teixeira promete deixar o comando da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), após a realização da Copa do Mundo no Brasil. Eis uma função que Montenegro vê com muito bons olhos.

Autor: - Categoria(s): Esporte Tags: , , ,
Voltar ao topo